Expoentes do prog rock: Renaissance, carreira e história

em

Você conhece a banda Renaissance? Se vocês nunca puseram as mãos num vinil da clássica banda formada em 1969, é hora de conhecer um pouco mais sobre a banda e seu impacto histórico e comercial no mundo (e no Brasil!!!).

Resultado de imagem para renaissance illusionResultado de imagem para renaissance prologueResultado de imagem para renaissance novella
Resultado de imagem para renaissance camera cameraResultado de imagem para renaissance azure d'orResultado de imagem para renaissance a song for all seasons

Com pelo menos um disco presente nas prateleiras das melhores coleções de discos de vinil pelo mundo a  Renaissance é uma banda de rock progressivo do Reino Unido cuja extravagância musical configura sua sonoridade como uma das mais importantes em seu período. A banda funde elementos de folk, rock, jazz e música clássica acompanhados da inigualável voz camaleônica de Annie Haslam. Mas foi só em seu quarto álbum, “Ashes Are Burning” (1973) que a banda ganhou reconhecimento notório pela sua sonoridade e deixou seu marco na história da música popular. Apresentando um rock progressivo como Yes e Pink Floyd, a Renaissance fez parte de um grande grupo de bandas dos anos 70 que difundiram o gênero e influenciaram/influenciam gerações que perpetuam o gênero com suas diversas vertentes. A banda inspirou indiretamente todo o movimento progressivo que veio a seguir. Um bom exemplo é a Blackmore’s Night, banda fundada por Ritchie Blackmore, em 1997.

Confira:

As vendas

O sucesso de “Ashes Are Burning” (eleito um dos 50 melhores álbuns de rock progressivo de todos os tempos pela Rolling Stone) foi o ponto inicial de uma carreira musical bem sucedida. O álbum chegou na posição de 171º no Billboard Top 200 e foi muito aclamado pela crítica como serviu de porta de entrada para a banda nos EUA. Como consequência, os álbuns seguintes alçaram voos maiores nos charts americanos e britânicos. Destaque para “Novella” (1977) que alcançou a 46ª posição entre os 200 álbuns mais vendidos da semana e “A Song For All Seasons” (1978), que além de alcançar a 58ª posição nos charts da Billboard, chegou ao 35º lugar no UK Charts, especialmente graças ao single “Northern Lights”, que foi Top 10 no Reino Unido. Inclusive o single foi o único da banda que chegou a aparecer nos charts, com a honrosa décima posição em 1978. Apesar das turnês e da fama crescente da banda tanto nos Estados Unidos quanto no Reino Unido e em países como a Holanda (o álbum de estreia, Renaissance, de 1969, debutou em décimo lugar nos charts holandeses), a banda alcançou sucessos comerciais somente com “Northen Lights” , “Carpet of The Sun” (1973) e “Mother Russia” (1974). Nos anos 80 a banda acabou decaindo devido a uma mudança de sonoridade não bem recebida pelos fãs e pela mídia, e os dois álbuns lançados na década foram um desastre de vendas. “Camera Camera” (1981) parou na 196ª posição na Billboard Top 200, enquanto “Time-Line” (1982) não conseguiu figurar nem entre os 200, chegando apenas perto, na 207ª posição.

Resultado de imagem para renaissance ashes are burning

Os fãs

A banda começou a construir uma fanbase nos anos 70, que ganhou proporções gigantescas após o lançamento de “Ashes are Burning”. Pode-se destacar a região noroeste dos Estados Unidos como principal aglomerado de fãs da banda até os dias atuais. A banda possui uma legião de fãs leais que os seguem, além de seguir os trabalhos solo de Annie Haslam. Fansites como Northern Lights  e Renaissance Fanfare são formados por fãs da banda que reúnem material e discutem sobre turnês e álbuns entre si. O primeiro possui um grande acervo da banda, contendo diversas fotos raras, capas de álbuns e singles, detalhes precisos e históricos sobre os lançamentos da banda e dos projetos de seus integrantes e até mesmo artigos e entrevistas coletados por transcrições de rádio e material fornecido por fãs. O segundo foca mais na interação entre fãs, tendo um fórum com membros relativamente ativos, conversando sobre turnês atuais e discos antigos, além de também possuir seu próprio acervo.

Resultado de imagem para renaissance live

Brasil

O nome Renaissance chegou ao Brasil ainda na década de 70, posteriormente nos anos 80, ainda vivendo dos sucessos da década anterior. Não há dados precisos de vendas ou de posição nas paradas dos álbuns da banda aqui no Brasil. O legado da banda em terras tupiniquins foi criado através dos vinis dos principais álbuns do grupo, difundido pelas casas e galerias. A fanpage  é a maior (se não única) representante dos fãs brasileiros da banda. A página é ativa e divulga informações sobre a banda, entrevistas, entre outras coisas.

E  para alegria dos fãs brasileiros a banda estará em turnê pelo país realizando CINCO shows confiram as datas:

Dia 24 de Maio – Teatro Municipal de Niterói – Niterói, Rio de Janeiro
Dia 25 de Maio – Espaço das Américas – São Paulo
Dia 26 de Maio – Vivo Rio – Rio de Janeiro
Dia 27 de Maio – Auditório Araújo Vianna, em Porto Alegre
Dia 28 de Maio – Palácio das Artes, Belo Horizonte

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s