Clube do Vinil Apresenta: Menudo Vs. New Kids On The Block (Parte II)

Stepbystep_album_cover

New Kids On The Block é uma boy band americana de Boston, formada em 1984, que acabou em 1994, mas retornou em 2008. No começo dos anos 80, o produtor Maurice Starr lançou a boy band de R&B New Edition, inspirada no Jackson 5. Após parar de trabalhar com eles, decidiu criar uma nova boy band como resposta. Ele se impressionou com Donnie Wahlberg, de apenas 15 anos, e ele ajudou a escolher os outros membros: seu irmão mais novo, Mark, seu melhor amigo Danny Wood, Jordan Knight, que fazia um falsete impressionante e o irmão de Jordan, Jonathan. Pouco depois o irmão de Donnie, Mark Wahlberg, saiu e virou o rapper Marky Mark, para mais tarde seguir a carreira de ator (sim, aquele Mark Wahlberg.). Ele foi substituído por Joey McIntyre, de apenas 12 anos.

New-Kids-on-the-Block.jpg

O primeiro álbum da banda, de 1986, seguia uma linha pop oitentista que não agradou, e no segundo álbum, Hangin Tough (1988), os integrantes quiseram participar mais da produção. Nesse álbum, eles seguiram um caminho mais direcionado ao pop rock, com baladas românticas, tendo o sucesso The Right Stuff. No mesmo período, lançaram um álbum de Natal. Em 1990, eles eram um dos maiores grupos pop nos Estados Unidos, com merchandising de todos os tipos possíveis como quadrinhos, bonecos lancheiras, camisas e um desenho animado, além de um ‘disque-New Kids On The Block’. Nesse contexto, lançaram o terceiro álbum, com um pouco mais de controle criativo e mais adulto.

Step By Step é um álbum que tenta traçar um caminho mais maduro que os anteriores e ao mesmo tempo se alinhar com as tendências jovens do início dos anos 90 como a dança de rua e o rap, claramente influenciados por Marky Mark. O grupo produziu o álbum e é responsável por trechos de algumas composições. Apesar dos hits dançantes, tem várias baladas bem parecidas entre si, que tentam atrair um público mais velho com influências de pop dos anos 50 e soul romântico dos anos 70, muitos falsetes que lembram Motown e harmonias vocais. Ainda que bastante comercial, ele consegue surpreender nas primeiras faixas com alguns arranjos que hoje em dia são pouco vistos em boy bands e muitos violinos. Pra amantes do pop, é um álbum interessante por mostrar essa transição e ser bem a cara da época. As letras são bem parecidas entre si, quase todas românticas, algumas como o hit Step By Step falando sobre conquista, outras sobre términos e recomeços, como Where Do I Go From Here, e sobre superação de corações partidos. Temáticas bem adolescentes e que tinham tudo para conquistar o coração das meninas.

Lado A

Step By Step, a primeira faixa, é o maior hit do grupo e a mais conhecida no Brasil. Mesmo tendo uma batida dance pop bem comercial, vocal adolescente e letras simples, a faixa chama a atenção pelo arranjo bem trabalhado e detalhado. Com muitos sintetizadores e trechos orquestrados que lembram disco music e vão crescendo e ganhando destaque, dá uma cara mais madura à típica sonoridade de boy band e aponta para um público mais adulto. O falsete de Jordan Knight, vocalista principal na faixa, também chama atenção. A batida dance transita entre o pop anos 80 e o break dance, tendência no começo dos anos 90.

Tonight, a mais madura do álbum, começa com um trecho dedilhado no violão que dá um toque latino, seguindo pra uma balada romântica oitentista. Mas tem uma virada no ritmo um tanto inesperada, e a presença de violinos e muitos sintetizadores a transformam em um pop rock um pouco mais complexo. Isso tudo sem perder a carinha adolescente e o apelo pop.

Baby, I Believe In You é uma balada romântica oitentista que agradaria aos mais velhos, lembrando bandas como Air Supply e trilhas sonoras de filmes da época, especialmente quando entra o solo de saxofone, indispensável pra baladas do tipo. As harmonias vocais também são mais adultas e o violino está presente mais uma vez, contrastando com a parte falada feita pra agradar as fangirls.

Call It What You Want é um dance pop bem moderninho para a época, que parece ter precedido os hits dançantes de grupos como NSYNC e Five, mas ainda com sintetizadores que dão um bom exemplo da transição em que o pop estava no início dos anos 90. Lembra hits de outros artistas pop do mesmo período, como Janet Jackson e também aponta para a tendência do break dance.

Let’s Try It Again é uma balada que lembra hits da Motown como You Are Everything e You Make Me Feel Brand New. As harmonias vocais, especialmente no refrão, são mais bem trabalhadas e os falsetes de Jordan Knight lembram grupos de soul dos anos 70 como The Stylistics – aliás, a faixa tem a estrutura bem parecida com o hit Betcha By Golly Wow. É mais uma que agradaria tanto as adolescentes quanto as mais velhas.

Happy Birthday é uma balada que começa com um tecladinho meio infantil, toda cheia de harmonias vocais e mais sintetizadores. É como uma versão atualizada de baladinhas bubblegum pop dos anos 50 e 60, fazendo referência às boy bands e girl bands que os antecederam. Tem um tom um pouco mais infantilizado, apontando para os álbuns anteriores, mas agradaria os mais velhos com a nostalgia.

Lado B

Games é um dance pop típico do fim dos anos 80 e início dos 90, lembrando grupos de hip-hop e R&B e mais street dance – com direito a Donnie Wahlberg fazendo um trechinho de rap no final. Tem uma linha de baixo bem marcante e se alinha perfeitamente as tendências da época e de cantoras como Paula Abdul e grupos como Snap. A estrutura é bem simples, mas a batida e o baixo chamam a atenção e são bem a cara da época.

A balada Time Is On Our Side retoma a tendência oitentista que perpassa as músicas românticas de todo o álbum, dessa vez lembrando baladas de outros artistas teen como Lost In Your Eyes, de Debbie Gibson. O arranjo é mais simples e extremamente comercial. Tem cara de cenas de baile de filmes adolescentes e uma quase previsível viradinha no tom no final, pra fazer as meninas se emocionarem.

Where Do I Go From Here segue a linha da anterior, uma baladinha triste cheia de teclados, mas dessa vez com o vocal mais infantil de Joe McIntyre e sem tantas harmonias, lembrando a fase mais jovem do grupo.

Stay With Me Baby é um reggaezinho dançante com elementos tropicais, seguindo outra tendência do fim dos anos 80 e começo dos 90. Mistura elementos jamaicanos – e um sotaque emulado por Donnie – com batidinha pop e sons latinos, e é a mais ‘diferente’ do álbum, mas bem comercial seguindo os padrões da época.

A balada Funny Feeling segue o padrão de Where Do I Go From Here e Baby I Believe In You com algumas variações de notas que voltam a lembrar artistas oitentistas como Air Supply. Porém os falsetes de Jordan Knight, muito bem aproveitados no álbum, mais uma vez lembram artistas de soul music romântica (e comercial) dos anos 70, retomando a tentativa de um som mais maduro para o público mais velho.

Never Gonna Fall In Love Again, apesar da letra de coração partido, tem o mesmo clima hip-hop/breakdance de Games, muito comercial e de acordo com as tendências da época. Lembra também faixas mais dançantes de bandas como Duran Duran, apesar de ter a carinha adolescente que ainda prevalece no álbum. Donnie mais uma vez faz o rap na faixa.

new-kids-on-the-block-today-160112-tease_bf6059a4d176828d1174c2900f7e99a1.jpg

Step By Step é um álbum comercial e bem adolescente, mas com alguns pequenos detalhes na produção que o diferenciam de outras boy bands, mesmo das recentes. Depois desse álbum, o mais conhecido deles, a banda sofreu uma baixa, mas isso não impediu que eles retornassem em 2008, mais velhos, e trabalhassem com artistas atuais como Lady GaGa, além de criar um super grupo com o Backstreet Boys. O legado deles e sua influência para as boy bands posteriores não podem ser negados, desde os próprios Backstreet Boys, NSYNC ou a britânica Take That, até algumas mais recentes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s