“Discovery” e “Random Access Memories”: Daft Punk

Amanhã, às 18:30, acontecerá na sala 306 do bloco A do campus do Gragoatá mais uma paresentação do nosso Clube do Vinil. Como já informado nas últimas publicações, o artista da vez é o duo francês de música eletrônica, Daft Punk, com os álbuns Discovery de 2001 e Random Access Memories de 2013. Nesta publicação falaremos um pouco mais sobre esses dois trabalhos já preparando você pro que virá.

Discovery: Popularização e estrelato

Quatro anós após o lançamento de Homework, seu primeiro álbum, o Daft Punk lançou seu segundo trabalho, Discovery, em 2001. Marcado por uma mudança sonora significativa com relação a seu predecessor, o disco foi recebido com ressalva por alguns fãs, mas logo conquistou o público e a crítica se tornando o maior sucesso da dupla até Random Access Memories.

Composto por 14 faixas, Discovery apresenta alguns dos maiores sucessos da banda como as faixas “One more time”, “Harder, better, faster, stranger” e “Digital Love”.

Uma caracterísica do disco é a utilização de vários Samples para a construção de algumas músicas. É o caso da faixa acima e de algumas outras como “Digital love” que contém parte de “I love you more” de George Duke e “Crescendolls”  que utiliza a base de “Can you imagine” da banda The Imperials.

O cd ainda veio a oferecer Samples para outros artistas. Foi o caso do Rapper norte americano  Kanye West que veio a utilizar o sample vocal de “Harder, better, faster, stranger” em sua canção “Stronger”. O clipe da música ainda conta com a participação do próprio Daft Punk e com várias referências ao clipe original.

No campo dos videoclipes, notamos que as faixas produzidas para as músicas do álbum são segmentos de uma mesma história. Isso acontece justamente pelo fato de serem retirados do filme em animação japonesa, Interstella 5555: The 5tory of the 5ecret 5tar 5ystem, projeto de transcrição visual do disco realizado pela parceria entre o Daft Punk, a Toei Animation e  Leiji Matsumoto.

Difundido por meio dos clipes na televisão, dos hits tocados incessantemente em baladas e rádios e do filme em Anime, Discovery acabou por atingir diversos tipos de público, desde crianças a adultos. O resultado foi a entrada da dupla no cenário Mainstream e a venda de milhões de cópias do álbum até hoje.

Random Access Memories: Nostalgia e aclamação

No dia 21 de maio de 2013, após suas faixas serem divulgadas gradativamente via iTunes, criando fortes expectativas por parte dos fãs, chegou às lojas um dos discos mais aguardados daquele ano. Produzido pela gravadora Sony, o Random Access Memories é o quarto disco do duo francês Daft Punk e conta com participações de nomes como o do rapper Pharrell Williams, Todd Edwards, Julian Casablancas, o guitarrista Nile Rodgers e o baterista John Robinson.

Random Access Memories apresenta um total de 13 faixas mesclando singles com refrões agradáveis e que “grudam” na cabeça, melodias e arranjos muito bem elaborados compostos basicamente por grooves, distorções e sintetizadores suaves, além de baladas românticas. Todos esses elementos em conjunto, o torna um disco extremamente dançante, nos remetendo a sensação de estarmos escutando um som retrô fortemente inspirado nas discotecas da década de 1980.

Ao contrário do que Guy-Manuel de Homem-Christo e Thomas Bangalter costumavam fazer nos trabalhos anteriores, esse quarto álbum não é considerado um novo modelo de e-music, nem algo revolucionário para o estilo. Por conta disso, as opiniões dos fãs se divergem com relação ao álbum. Porém, não se pode negar que trata-se de uma obra muito bem elaborada.

Àqueles que curtem músicas dançantes, ouvir Random Access Memories é uma ótima experiência. Das 13 faixas que o disco apresenta, vale a pena destacar singles como: “Get Lucky”, “Lose Yourself to Dance”, “Within” e “Instant Crush”.

Agora que você conheceu um pouco mais sobre os dois álbuns, contamos com a sua presença amanhã em nossa apresentação. Venha preparado para interagir, aprender, dançar e cantar conosco ao som do Daft Punk. Te esperamos lá!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s