Baú de (memórias) recordes.

Até os dias de hoje The Beatles é uma das bandas – se não a banda – com mais recordes da indústria fonográfica mundial. A banda formada na Inglaterra e teve como sua base principal o estúdio Abbey Road.

A comoção que a banda causou foi algo nunca antes visto pelo mundo em questões de artistas e seus fãs. Multidões esperavam nas portas de eventos em que os integrantes estavam, além de os seguir pelas ruas e congestionar linhas telefônicas de rádios das cidades.

Em 1963, o disco “Please Please Me” foi lançado com músicas como “I saw Her Standing There”, “Twist and Shout”, “Love Me Do” e a que deu origem ao nome “Please Please Me”. O álbum foi considerado o 39º melhor álbum da história, segundo a Rolling Stones, e levou o incrível número de cinco singles ao topo da Billboard.

Capa do disco

Depois deste debut, The Beatles lançou mais 20 álbuns – contando com coletâneas e greatest hits – totalizando mais de 600 milhões de cópias vendidas mundialmente.

Entre estes, está o disco “A Hard Day’s Night”, o terceiro da banda e o material de discussão da próxima edição do Clube do Vinil, lançado em 1964.

Capa do disco

O disco A Hard Day’s Night continha 7 faixas do filme lançado pela banda, que levava o mesmo nome do disco e foi o ponto final para consagrar a fama internacional da banda, que ficaram com cinco músicas ao mesmo tempo na top 5 mundial, além de 7 músicas no total no top 100.

Poster do longa

Nos dias de hoje The Beatles ainda é uma das bandas mais famosas do mundo, tendo marcado a vida de várias gerações com suas músicas e filmes.

O Clube do Vinil trará a total experiência de uma escuta comentada dos discos “A Hard Day’s Night” e do ” Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not”, da banda Arctic Monkeys.Capa do disco

A banda Arctic Monkeys foi criada em 2002 na Inglaterra e alcançou sua fama de uma forma muito diferente dos Beatles. A banda teve sua divulgação inicial quase toda – se não inteira – por fitas demos e pela internet, internacionalizando sua música de forma mais rápida do que nas épocas dos vinis.

Seu primeiro disco, “Whatever People Say I Am, That’s What I’m Not” guarda o recorde de disco debut mais vendido por uma banda no Reino Unido.

A banda entrou no cenário musical aumentando a visibilidade em um estilo musical, o indie. Com seu crescimento incrível, o mundo inteiro se rendeu a este estilo e a própria banda, criando várias linhas de segmento do mesmo, como por exemplo um meio de se vestir.Indie Clothing

Como já visto antes, o estilo musical influenciou o modo de se vestir muitas outras vezes. Nos anos 60, o Woodstock levou massas a um único lugar e seu público já se vestia de uma forma com padrões. Nos dias de hoje, com a internet, a febre indie chegou as ruas muito mais rápido, fazendo grupos de homens e mulheres se adequarem a esse novo estilo de vida.

E não se esqueçam: na próxima terça, 21 de outubro, o Clube do Vinil irá reunir o clássico dos Beatles com a onda indie do Arctic Monkeys em uma escuta comentada com brindes e muitas surpresas.

O Clube do Vinil espera todos lá!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s